Não chores por mim!
Seriam as tuas palavras
Se eu te pudesse ouvir.

Mas a distância abismal que nos separa,
Silencia a tua voz.
O vento que sopra agreste,
Desencaminha o teu sussurro.

Mas eu sei que estás aí!

A separação física nunca me irá impedir…
Nunca conseguirá calar o meu sentimento
Nunca conseguirá apagar o meu pensamento.
E eu estou sempre contigo,
E tu estás sempre comigo.
Todos os dias, horas, minutos e momentos!

Nos momentos felizes,
E nas minhas risadas espontâneas.
Nos momentos tristes,
No suplício das minhas lágrimas,
Procuro-te em mim, mesmo sem presença és o meu abrigo.

Agora descobri que nascemos duas vezes….
Parece estranho mas é verdade.
Na primeira vez sabemos para onde e para quê,
Na segunda… eu não sei…
Mas tu já sabes!
Um dia, quem sabe, possamos falar sobre isso.

Mas até lá,
Não choro por ti, recordo-te com um sorriso.
Não vejo escuridão, sinto uma luz que irradia.
Não sinto abandono, sei que tenho aí um(a) amigo(a)
 
Saudade não é ausência,
Saudade é presença.
Noutra dimensão,
Noutro mistério,
Noutro horizonte,
Mas sempre no nosso coração!
 
Até um dia!
 
(Pela memória dos nossos queridos que já não estão aqui)
 

Partilhar isto:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *