Dizem que sou antipático, desligado ou arrogante
Fazem-no porque não sabem do que falam
O meu comportamento não é voluntário
O meu afastamento social é necessário
Mas nem por isso me sinto um solitário.
 
Tenho interesses muito particulares
Rituais e atos repetitivos
Não quero saber da opinião alheia
Ninguém me compreende na minha aldeia
Vivo tranquilo na minha pequena colmeia.
 
Penso de forma objetiva e racional
E até o revelo com pouca empatia
O meu QI pontua acima da média
Das rotinas e pormenores eu tomo a rédea
E por favor, não façam disto uma tragédia!
 
Quem me ama, acompanha e compreende
Torna a minha vida mais simples e feliz
Com respeito, dedicação e amor
Nas alegrias e momentos de dor
Mesmo sem tocar, eu irei sentir o seu calor!

Texto de MD

Partilhar isto:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *