Olho em frente
Observo o horizonte
Vejo a montanha ingreme e imponente
Comparo-a com o rumo da vida
 
É inevitável… é quase instintivo
 
Com altos e baixos supremos
Entre pedras e orifícios sinuosos
Mais ou menos florida e verdejante
Linda e melancólica
 
É inevitável… é quase instintivo
 
Vê-la como vemos os sonhos
Por vezes tão presentes e verdadeiros
Ou longínquos e difíceis de alcançar
Oferecem resistência
Insistência, persistência e resiliência
Obrigam a uma luta firme e constante
 
Mas é inevitável… é quase instintivo
 
Batalhamos, enfrentamos e perseveramos
Renasce o desejo incansavelmente
Reerguemos o olhar continuamente
E sorrimos incessantemente
 
 Mas é inevitável… e é instintiva
 
A procura do Eu
O encontro com a harmonia
A aprendizagem emocional
A tranquilidade interior
A Paz, a Felicidade e o Amor!

Texto de MD

Partilhar isto:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *